Avaliação Patrimonial

Avaliação de Máquinas

Avaliação de
Máquinas

Tem como objetivo a apuração do valor justo de um ativo ou conjunto de ativos tangíveis para as mais variadas finalidades, seguindo procedimentos, instruções, leis e boas práticas, necessárias para fundamentar e garantir a precisão desejada na avaliação do ativo imobilizado.

Utilizando o conjunto de normas NBR/ABNT 14.653 como referência, é determinado o valor justo de mercado do patrimônio da empresa por meio da valoração dos ativos tangíveis (complexos industriais, imóveis urbanos, rurais, máquinas, equipamentos e outros bens móveis e ativos biológicos), inclusive para fins de adequação ao IFRS e à Lei 11.638/07 (Teste de Impairment, Depreciação pela Vida Útil dos Ativos e Deemed Cost).

O laudo de avaliação patrimonial é emitido por responsável técnico, devidamente habilitado, proporciona a segurança e fundamentação na metodologia de engenharia de avaliações permitindo que se possa utilizá-lo para realizar diversos tipos de transações.

A avaliação patrimonial de máquinas, equipamentos e outros bens móveis contempla os seguintes tipos de ativos:
• Máquinas, equipamentos, acessórios, dispositivos e gabaritos;
• Ferramental, moldes e matrizes;
• Instalações mecânicas;
• Silos metálicos de armazenagem;
• Veículos de transporte e movimentação de cargas;
• Móveis e utensílios em geral.

A execução de uma avaliação patrimonial leva em consideração uma série de procedimentos:
• Vistoria física aos ativos, onde é efetuado o registro fotográfico e a caracterização dos elementos considerados importantes na avaliação;
• Levantamento dos dados técnicos, estados de conservação, identificação das políticas de manutenção, regimes de trabalho e demais situações identificadas que possam afetar o valor do ativo;
• Cotação e pesquisa dos valores no mercado, aplicando-se após as metodologias de depreciação reconhecidas no ramo da engenharia de avaliações, permitindo estimar, com determinados graus de fundamentação, o valor da avaliação para os ativos.

Todas as informações utilizadas na avaliação são relatadas no laudo que contém, entre outras informações, a metodologia utilizada, o documentário fotográfico, a caracterização dos bens quanto ao funcionamento, fontes de informações das cotações e métodos de depreciação utilizados.

Finalidades:
• Finalidades gerenciais e contábeis;
• Alienações;
• Fusões;
• Cisões e incorporações;
• Leilões;
• Garantias e penhoras;
• Seguros;
• Locação;
• Outras finalidades legais (partilha de bens, indenizações, desapropriações, servidões, venda de ações e etc.).

Benefícios:
• Atualização do valor justo de mercado dos ativos;
• Análise de investimentos imobiliários;
• Apuração do valor em uso para fins de CPC01;
• Distribuição de cotas societárias;
• Mensuração do valor em risco para operações de seguros;
• Suporte e complemento para Valuation avaliação econômica da empresa;
• Utilização dos ativos para captação de recursos em projetos de investimento.

Fale com os especialistas

Clique aqui!



Eles comprovam

Mais do que clientes, parceiros